quinta-feira, 10 de maio de 2012

Barcelona - parte II - o menos bom

Bom dia meninas :)

Ontem não deu para postar, então cá vai a segunda parte (a parte má) da viagem a Barcelona.

Como disse no post anterior, foi uma agradável coincidência ter ido com a minha colega e o namorado para Barcelona. Ela é minha ex-colega de trabalho e a ele nem o conhecia. Mas como nos dá-mos relativamente bem e somos praticamente da mesma idade, acabámos por reservar o mesmo hostel e tudo para ser mais fácil, mas sempre com a máxima de que estávamos numa viagem a dois e não a quatro. Nós optámos por reservar o voo de ontem das 23h, mas eles reservaram o de ontem das 10h. Por isso, na segunda à noite, e depois de termos estado todo o dia sozinhos, decidimos tomar um café todos juntos depois do jantar, em jeito de "despedida". Fomos a um café, ali perto das Ramblas e estávamos todos divertidos a contar as peripécias do dia. Estávamos encostados à parede e, segundo a D., a mochila deles estava no chão, entre os pés dos dois.
Como já se estava a fazer tarde para eles, eu disse que ainda não tínhamos tirado uma foto todos juntos e sugeri que o fizéssemos. Ela disse logo que também queria que tirássemos com a máquina deles e foi à mochila buscá-la. O problema foi que a mochila não estava em lado nenhum. Assim do nada, e com os quatro sentados numa mesa num recanto de um café, eles foram roubados. Roubaram-lhes a mochila e com ela todos os documentos, cartões, telemóveis e máquina fotográfica. Fomos logo à polícia, que nos preveniu que a Ryanair não permite embarcar com o auto da queixa da polícia, nem com o documento da embaixada em como eles foram assaltados. Além disso, tinham de ir à embaixada, que só abria à 9h e o voo eram às 10h. Imaginam a situação, não imaginam? Foi uma sensação terrível, tive imensa pena deles. Eles nem reagiam, eu e o P. é que tratámos de tudo, e lhes dissemos o que fazer. Se estivessem sozinhos, não sei mesmo como tinham resolvido o assunto... Acabamos por ter de lhes comprar uma viagem pela TAP (que deixa viajar com o tal documento), que custou quase 500€. Eles não trabalham e não sei muito bem como vão pagar (sinceramente a mim preocupa-me um bocado esta questão), mas não podíamos deixá-los em Barcelona sem dinheiro nem documentos... Foi uma noite terrível, já nos deitámos tardíssimo e eu acordei outra vez muito cedo. Aliás, eu acho que nem dormi com a preocupação, porque só comprámos a viagem no dia seguinte... No final, tudo se resolveu (à excepção do pagamento por parte deles), mas espero que eles tenham mais cuidado da próxima vez. Eu sei que pode acontecer a todos, nem aponto o dedo aos dois,  mas espero sinceramente que não volte a acontecer-lhes. Ainda por cima foi a primeira viagem a sério deles em 7 anos e tal de namoro e nem uma fotografia ficou para recordação :\

9 comentários:

  1. Bem, que azar!!
    é horrível sermos roubados ainda mais numa viagem, longe de casa, e sem hipoteses de fazer nada!
    espero q tudo se resolva tb da melhor maneira possivel para ti e para o P. pq 500 euros ainda é mto dinheiro:S

    beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Que situação complicada...olha que eu não sei se fazia o que tu fizeste...eles não são propriamente teus amigos, são apenas conhecidos, mas acredito que não tenhas problemas e que em breve eles te paguem. Foste mesmo boa pessoa...fizeste a tua boa acção :) Sempre que vou para o estrangeiro tenho imenso cuidado com os meus pertences, nem quero pensar se me acontecesse algo semelhante. Bjts

    ResponderEliminar
  3. uau ! que situação ! a sério dv ser horrivel! primeiro ficar sem o que nos pertence, estar num pais diferente ( msm que seja aqui ao lado é smp chato ), ficar sem dinheiro ( se fosse a ti tb tava um BOCADO LIXADA ) mas compriendo eu ajudava tbm, e dps sem recordações nenhumas !?? bahhhh q azarrr!!!

    beijinho

    ResponderEliminar
  4. Realmente é uma situação muito aborrecida para acontecer numa viagem. Mas nesses sitios ( e principalmente quando se apercebem que são turistas) é mesmo um isco fácil. Temos de andar com 7 olhos e agarrados a tudo. Mas de certeza que da próxima já sabem que têm de ter mais cuidado.
    Um beijinhos =)

    ResponderEliminar
  5. Txiiii mas que coisa...isso é que foi hein! Imagino a frustração tanto deles como de vocês...Esse susto ficou pra vida!

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  6. Olá! :)

    Estes últimos dois dias andei a correr, mas agora já li o teu relato da viagem :D E digo-te, fiquei mesmo com vontade de voltar a Barcelona :D

    Ainda bem que gostaste, apesar da situação do último dia. Realmente aquilo nas Ramblas é muito mau, conheço uma pessoa que enquanto descia as Ramblas foi vítima de três tentativas de assalto! Não nos podemos mesmo distrair nessas situações :S

    Espero que tudo se resolva pelo melhor! :)

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  7. Que grande azar que a tua colega e o namorado tiveram. Se já é mau ser roubado nem quero imaginar ser roubado noutro país.

    Mas ainda bem que tudo se resolveu e que tenhas o teu dinheiro de volta!

    Beijo
    Alice

    ResponderEliminar
  8. ...era uma vez um patrão despistado que deixou o casaco (com a carteira dentro do bolso = cartões de credito e passaporte!!!) num, autocarro da China!! Estás a ver o filme?? Pois! Se em Barcelona é complicado, nem imaginas na China. Mas só há uma coisa que não tem remédio e lá resolvemos a situação.
    Não stresses com o dinheiro porque eles terão consciência de que fizeste uma favor e só têm de te reembolsar assim que possível.
    A Bus Tour parece-me muito bem para se ficar com o panorama geral da cidade e poder decidir o melhor a ver. A Barcelona nunca fui, mas vou a Madrid no próximo mês.
    Beijos e espero que já tenhas descansado alguma coisa :)

    ResponderEliminar
  9. É uma situação complicada, também aconteceu a uma amiga minha em Barcelona, o problema lá é haver muitos carteiristas, porque ameaças e armas brancas não há, só que basta uma distracção para te fugirem com a mala!

    Beijinho e espero que tenhas ficado com mais memórias boas do que mais da viagem*

    ResponderEliminar