sábado, 23 de junho de 2012

Aviso à navegação: post longooooo!


Olá meninas :))

Antes de mais, muito muito obrigada por todos os comentários, carinho e preocupação que demonstraram no último post. De facto, estando a viver sozinha e longe dos meus amigos, vocês acabam por saber mais o que se passa na minha vida do que pessoas que me são mais próximas. Mas vamos lá ao testamento do costume:)



No passado domingo foi a comunhão da minha afilhada. Já vos falei várias vezes dela aqui, e vou deixar-vos uma foto que ilustra a minha preocupação. Não queria muito expôr-nos aqui desta forma, mas talvez deixe só algum tempo a foto e depois retire.
O P. e os seus 2,04m, a minha afilhada e os seus 12 anos e 90 (e...)kg e eu e os meus 12 cm de salto

Como podem ver, ela é mesmo muito alta. O P. é enorme e ela dá-lhe pelos ombros, enquanto que eu estaria com mais de 1,80m e ela está quase da minha altura. E do peso nem vou falar... Só vos digo que ela ficou ao pé de mim durante o almoço e eu assustei-me com a forma como ela comeu (mas não quis estar a chamá-la à atenção em frente a toda a gente, nem no momento dela).

Nesse dia fiz as refeições da manhã mais ou menos direitinhas. Acordei às 7h para fazer os meus 40 min de elíptica e ao almoço apenas comi salada, frutas, dois bocadinhos de tamboril e salada de polvo. Aquilo era buffet e sempre que eu me levantava para ir buscar o que me apetecia, não havia! Como devem imaginar, andar a passear-me num restaurante de prato na mão e tacões não combina muito bem, então fiquei-me pelas coisas simples. Azar dos azares, a mesa das sobremesas estava mesmo atrás de mim, então as movimentações eram fáceis. Provei um bocadinho de tudo (devem ter sido uns 2 pratinhos de sobremesa, ao todo), e comi uma fatia pequena do bolo. Mas fiquei tão, mas tão cheia! Não estou mesmo habituada!

Entretanto voltámos para casa para ver o jogo de Portugal e ninguém tinha qualquer apetite. Quando o jogo acabou comi uma sopinha e uma maçã e fui deitar-me, estava exausta.

O fim-de-semana passada foi completamente estranho no que diz respeito às minhas horas de sono. Na sexta-feira acordei às 6h30, trabalhei, vim para casa, deitei-me à 1h30 e às 2h30 acordei. Só consegui adormecer às 5h30 e acordei às 9h. Nessa noite deitei-me às 2h, levantei-me às 7h e andei todo o dia de um lado para o outro. Deitei-me às 00h00, acordei às 2h30 e só adormeci depois das 7h. Levantei-me às 8h30. De salientar que mesmo quando acordava de manhã, era naturalmente, nada de despertadores. Acho que é preciso dizer que andei a semana toda a morrer...

Eu andava há cerca de um mês sem compulsões ou desejos por doces. Mas bastou um desvio para ficar louca com os doces e na segunda o dia foi uma treta. Gostava mesmo de tomar uma atitude como a da Luciana                           , mas não sei se consigo...  Acabei a noite a comer meio pacote de bolachas digestivas, tostas, iogurtes, fruta... Tudo coisas "saudáveis", mas que me deixaram super enjoada, maldisposta até ao dia seguinte, inchada e com os intestinos malucos. Se de domingo para segunda o peso não aumentou, posso dizer-vos que de segunda para terça vi mais 2 kg na balança.
Decidi que ia entrar nos eixos na terça, mas umas colegas convidaram-me para tomar um cafézinho à tarde. Como estou sempre enfiada em casa, lá fui. Fomos a uma gelataria muito em voga em Braga e eu pedi um café granizado. Perguntei duas vezes o que levava, e o rapaz respondeu : só leva café e gelo. Perguntei se levava algum tipo de adoçante e ele respondeu que não, mas podia acrescentar. Disse-lhe que não e esperei pelo meu pedido. Como lá ia estar algum tempo, optei por pedir o copo médio. Quando me deram o pedido, o café vinha realmente com gelo, mas cheio de chantilly. Não imaginam a minha neura. Não quis reclamar e lá acabei por beber aquilo (burra, eu sei!). É que já basta as minhas pancas, estas coisas não programadas acabam comigo.

Felizmente, agora tenho várias colegas que querem andar a pé e fazem-me mais companhia. Nesse dia devo ter andado 1h30 em passo acelerado. Eu sei que isso não muda grande coisa, mas ajuda!

Passei o resto da semana a comportar-me bem, mas ontem cheguei e já abusei; o São João será cá em casa e calhou-me a mim fazer os doces. E eu tenho um grande defeito quando faço doces: passo a vida a lamber a colher ou a comer bolachas, se o doce levar bolachas, ou a rapar o fundo... Coisas assim! Mas parei de fazer isso e fui para a elíptica às 22h30! 
Deitei-me já depois das 1h30 e hoje às 7h estava mais desperta do que uma alface. Fiz o esforço (foi mesmo!) de me levantar só às 8h. Tomei o pequeno-almoço do costume, fui com os meus pais às compras (marisco e cerveja não falta cá em casa!), voltei, fiz o lanche da manhã, já fiz os 40 min de exercício, estou à espera do meu pai para almoçar e depois vou ajudar nos preparativos. Somos umas 20 pessoas (se bem que eu e o P. depois devemos sair) e isso envolve toda uma logística... complicada!:)

Já me sinto mais bem disposta e animada. Quero muito falar-vos sobre este meu estado de desânimo que, felizmente, não tem tido repercussões muito graves na dieta, mas acho melhor deixar para um próximo post, caso contrário este não termina...

Ainda assim, hoje não deixa de ser um dia melancólico. Faz exactamente dois anos que voltei de Itália, da experiência que mudou a minha vida. É incrível como o tempo passa... E aqui vos deixo uma foto do nosso último dia, do meu grupo mais próximo de amigos (contém italianos, san marinenses, espanhóis...) Tentei encontrar-me :))

Só acrescentar que tenho consulta na nutricionista na próxima terça, mas estou a pensar adiar uma semana... Ah, e que ainda não me decidi quanto à L- Carnitina!

Beijinhos a todas, muito obrigada e, se for caso disso, um óptimo São João :)

18 comentários:

  1. Eu acho sinceramente que a tua afilhada vai desejar emagrecer no tempo dela! Sim, porque nós demoramos um pouco, precisamos encontrar nosso tempo, nosso desejo de mudar!

    Claro que crianças precisam de incentivo maior, apoio e exemplo da família. Mas mesmo assim, na minha opinião, acho que ela também precisa chegar no "tempo dela". E se ela já fala sobre o assunto, se a incentivam e mostram a importância do emagrecimento para a saúde, esse tempo não demorará a chegar.

    Quanto a ti, penso que fases menos boas todos temos. Mas te achei com corpo lindo! Really!

    E claro, não te encontrei na última foto! :)

    Um beijo grande!

    ResponderEliminar
  2. Olá menina linda:9 bem fico mais satisfeita com este post e o seu tamanho...é bom sinal:p na ultima foto nao consigo encontrar te:s mas é normal porque ainda te "vi" poucas vezes... bem , entendo a tua preocupação com a tua afilhada...tem a idade que tem e pesa mais que eu que ja acho e sei que peso muito para o meu tamanho...mas assim que puder entrar pa ginasio e acabem os stresses para exames isto volta ao naturel:D adorei saber que estás um pouco mais animada, apesar de saber que estas oscilaçoes de humor sao mesmo assim...um dia na mó de baixo, outro na de cima e sempre assim... bem, agora vou estudar um kito para depois ir ao porto eheh beijinhos grandes e ate breve! e muita força sempre!

    ResponderEliminar
  3. Olá Saskia :)

    Eu entendo o que sentes por viver longe dos teus amigos e da tua família. Quando eu fui para Lisboa não conhecia ninguém, só tinha os meus amigos de Lisboa (na altura o meu namorado era do Porto). Normalmente andava ocupada, mas havia dias que me custavam tanto... Para mim o pior era ao Domingo à noite, quando voltava do Porto para uma casa vazia e ainda tinha de passar a ferro.. Era mesmo desmoralizante ;)

    Mas ter amigos em Lisboa ajudou-me imenso, tal como te ajuda a ti. Eles são o nosso refúgio e o nosso apoio :)

    Ainda bem que encontraste aqui no blog um refúgio também, mas nunca te esqueças de investir nas tuas amizades ;)

    Eu acho que tu estás óptima, e confesso que fiquei imenso tempo a olhar para as tuas pernas :P Estão mesmo bouas! :P

    Beijinhos e tem um bom fim-de-semana :) Bom São João :) O que cozinhaste? Sabes que eu sou uma cusca com estas coisas :D

    Beijinhos :D

    ResponderEliminar
  4. Gosto de te ler e fico feliz por saber que estas mais animada.
    Bjts e bom São João

    ResponderEliminar
  5. Deixa-me dizer que pela foto estás muito bem :))
    Quanto aos doces, não sei se já leste a minha história mas também já tive um período sem comer doces. A mim, sem ser definitivo, ensinou a minha cabeça teimosa que não preciso mortalmente de doces (andava convencida q sim!!) e que posso perfeitamente comer um quando me apetece, porque não me apetece realmente mtas vezes e não vou desatar a comer por isso :)
    Bom s. João e resto de bom fim-de-semana! Ficamos à espera do tal desabafo!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  6. Olá :)
    Bem, eu quando vi a fotografia olhei logo para ti :p
    Estás mesmo fantástica, Parabéns :)

    Bom fim de semana e bom S.João
    Beijinho :)*

    ResponderEliminar
  7. Eu gosto de posts longos! ;)
    Olha, não sei se é da roupa ou dos sapatos de salto enoooorme (para mim! ;p) mas na foto estás muito elegante e com umas belas pernas!:D A sério, acho que estás muito bem assim.

    Bjs**


    PS: És a de roxo? :)

    ResponderEliminar
  8. juro q fiquei sem perceber onde é q precisas de perder peso :o

    ResponderEliminar
  9. Hello:) ja acordei e ja almocei...mas confesso que ficava na cama mais umas horas...isto deitar às 5.20 e levantar à uma da tarde desregula tudo:D bem, eu da ultima vez que ca comentei nao disse o obvio: estás mesmoooo boua como ó milho tu!!! eu se fosse a ti nao perdia nem mais um grama!:D tás perfeita fisicamente:) e nao tive dor de coto...nope...:D ok ok...just a little bit:D

    ResponderEliminar
  10. Hello!
    Adorei as tuas pernas! (no bom sentido claro!!!)
    O conjunto funciona mesmo muito bem incluindo a cor! Muito giro!
    Talvez a tua afilhada tenha de ir mudando os seus comportamentos aos poucos, mas há que agir com cuidado já que é uma fase complicada da adolescência e ela pode "rebelar-se" e agir ainda pior.
    Como tu sabes, a minha atitude não foi premeditada. Vou acontecendo e eu deixei acontecer. Até que o meu corpo me deixou de pedir açúcar e não faz sentido eu recomeçar a comer "só porque sim" e não porque me apetece mesmo!
    Eu dava-lhe com o chantilly na cabeça! Até porque não aprecio nada :)
    Beijos

    ResponderEliminar
  11. Saskia tua estás toda boa pah =)
    Estou a brincar, mas tu estás muito bem mesmo =)
    Espero que a tua afilhada consiga aquilo que é melhor para a saúde dela, às vezes demora um pouco.
    Quanto à questão de estares longe dos teus amigos, se soubesses como eu ter percebo. E também concordo que vocês acabam por ser a minha companhia, é mesmo verdade.
    Um beijinho e boa semana

    ResponderEliminar
  12. Bom, primeiro deixa-me que te diga, que estás fantástica, ainda por cima és alta, o que dá logo um ar gracioso natural ao teu corpo. Parabéns pela boa forma! Apesar de pequenas asneiras, o que interessa é que num todo, a tua alimentação seja mais saudável do que asneirenta e parece-me que é o teu caso. As asneiras podem existir sempre, a loucura com os doces também é temporária, basta saber ouvir o nosso corpo :)

    Obrigada pelo teu carinho constante * beijo grande

    ResponderEliminar
  13. Oh meu deus miuda !!!! Que pernas são essas!?!?! Estás a fazer dieta para quê mesmo !?! Que inveja pah!! LOL Sério! Estás espectacular!!!

    Também quero!!!! =)

    E adoro ler os teus big posts rapariga, por isso é bom que a tua inspiração esteja de volta e em grande!!!

    Em relação à tua afilhada eu acho sinceramente que ela vai cair em si mais cedo ou mais tarde!! Ela tem 12 anos, mais um anito e entra na adolescência e com tudo de bom e mau que ela tras!! Vai começar a querer cuidar mais dela!! A olhar para os meninos e querer agrada-los, a olhar para as outras meninas e a querer ser como elas!! Dá tempo ao tempo!! Além do mais ela tem uma madrinha fantástica que a vai ajudar!! x)

    bjinhs linda, boa semana!!

    ResponderEliminar
  14. Olá! Eu sou a Íris, e criei o meu blog… entre nuvens (“Nas nuvens com a Íris”)!!
    Preciso de nuvenzinhas que povoem este cantinho, por isso, deixo-te um convite:
    Visita-me, inspira-te e sonha de olhos abertos…
    http://nas-nuvens-com-iris.blogspot.pt/

    Espero que gostes e te deixe curiosa!
    1Beijinho

    ResponderEliminar
  15. Tu pareces optima, se perderes mais peso fica mais que a conta.

    Mas a tua afilhada é preocupante fala uma pessoa que engordou aos 13 anos e andou a fugir da vida até aos 18. Sinceramente lembro-me perfeitamente da matéria dada nas aulas, lembro-me da aula em que a professora de matemática cortou os numeros imaginários e disse que nos iam fazer falta no futuro, mas que as ordens eram para cumprir (passado uns anos percebi o que é que ela queria dizer), mas não me lembro de festas, de saidas, de diversão.
    Porque estava sempre a fugir dos outras por causa do peso. Com 1,50m, chegar aos 64.5kg é mesmo muito.
    Só espero que ela não perca tantos anos como eu, que consiga achar o caminho dela, e principalmente resolver o que a perturba, porque eu acho que o consumo é uma consequência e não o problema.

    ResponderEliminar
  16. Mulher tu estas tãaao bem porque tanta preocupação com o teu peso? :)
    A tua afilhada realmente está bastante pesada para a idade, espero que ela consiga emagrecer com sucesso!

    Beijinho*

    ResponderEliminar