terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Eu prometi que voltava...

... e espero que desta vez seja em definitivo.

Já deixei de escrever no blogue frequentemente há vários meses. Na altura deixei de escrever porque mudei de casa e a net aqui era fraquinha, fraquinha. Entretanto, a preguiça começou a falar mais alto e optei por deixar o blogue ao abandono.

No que diz respeito à temática do blogue propriamente dita, tenho a dizer-vos que isto foi um descalabro. Estou num ponto muitoooo pior àquele que comecei no início do blogue (e infinitamente pior ao ponto onde o deixei). Para quem não sei lembra, eu comecei o blogue com cerca de 70 kg. Voltei à nutricionista, orientei-me, deixei de poder ir à nutricionista, cheguei aos 65 kg em Agosto e agora estou com 73 kg (ou 74, nem sei bem). Sim, leram bem.

O que se passou? Não sei... Muito sinceramente não percebo o que pode provocar tanta tanta asneira a nível alimentar. Na véspera de Natal tinha 68,5 kg. Em menos de um mês engordei isto tudo. 

Novembro e Dezembro foram meses para esquecer. Trabalhei muito mais horas, de noite, não fui a casa e fiz menos exercício físico. Além disso, os jantares de Natal sucederam-se, tive muitas compulsões, veio o Natal, o Ano Novo e, acima de tudo, a parvoíce. 

Passar tanto tempo sozinha em casa fez com que eu comesse desalmadamente. Comi barras de cereais, bolachas e chocolates como se não houvesse amanhã. Em tanto tempo de reeducação alimentar nunca tinha passado num supermercado de propósito para comprar chocolates. Neste período isso aconteceu várias vezes. O problema? É que eu não como um bocadinho, como a embalagem inteira.

Estar tanto tempo sem ir a casa, sem estar com os meus pais, o meu namorado e os meus amigos também me deixou muito em baixo. E a parvoíce, lá está.


A minha mãe, sempre interventiva, e farta de me ouvir a lamentar, marcou-me uma consulta na minha antiga nutricionista. Em comparação com a última consulta da outra nutricionista, temos isto:

3 de Julho de 2012:                                        11 de Janeiro de 2013:
Peso: 67,3 kg                                                   Peso: 72, 3 kg
Cintura: 66 cm                                                  Cintura: 77 cm
Anca: 101 cm                                                   Anca: 105 cm

Como podem ver, o retrocesso foi gigante. E o pior é que a consulta foi na sexta-feira e eu passei o fim-de-semana e a segunda-feira em desequilíbrio total (o sábado nem por isso, vá). O pior é que não sei mesmo o que se passa. Eu sinto-me muito desmotivada com tudo na minha vida, estou farta de viver em Braga sozinha, o Mestrado não é nada daquilo que eu pensei que seria, tenho saudades de minha casa, das minhas coisas e não vejo um futuro muito risonho. O meu medo, em relação ao peso, é ser uma daquelas pessoas que emagrecem imenso e depois recuperam ainda mais kg. Eu não quero ser assim, mas estou a transformar-me numa dessas pessoas.

O problema é que estou a fechar-me em mim mesma, a dar demasiada importância a isto. Preocupa-me o facto de os outros verem que eu engordei, que comentem, e estou a ficar paranóica. Ainda no sábado à noite foi quase preciso obrigarem-me a sair de casa porque eu nem sequer queria ir tomar um café, porque engordei. Eu sou racional e tento não pensar nisso dessa forma, mas a verdade é que passo demasiado tempo sozinha e tempo para pensar nessas coisas não me falta...

Por isso (e por muito mais!), vou tentar voltar ao blogue de forma assídua. Não deixei de vos acompanhar, mas nem sequer comento, tal é a preguiça. Quem está comigo?:)

(Prometo tentar posts mais curtos no futuro :))

12 comentários:

  1. Como te compreendo. Eu há coisa de um ano estava com 74kg, agora tenho mais 10 à vontadinha. Deixei de querer sair de casa, pq estava orgulhosa em ter emagrecido e toda a gente sabia... agora sei que vão olhar para mim e pensar ou dizer que estou muito mais gorda novamente. É horrivel.
    Quanto a tentar emagrecer tb não tenho feito nada por isso, verdade seja dita. Tenho comido o que me apetece e apenas isso. Sinto-me presa a tanta coisa, que comer é a minha maior alegria. Infelizmente.
    Espero que depois dos exames ganhe coragem para ir à nutricionista e ao ginásio. Espero mesmo.
    Outra coisa... eu sou de Braga, por isso se precisares conversar ou companhia para exercicio fisico.... estou por aqui. :)

    ResponderEliminar
  2. há fases dessas na nossa vida...uma altura em que estamos super bem encaminhadas e conseguimos tudo, outras em que descarrilamos e parece que não conseguimos voltar ao caminho!
    não desanimes, o importante é nunca desistires de ti! estás sempre a tempo de mudar isso...estamos sempre a tempo de recomeçar e de fazer algo por nós! desde que perdi os 20kg já tive muitos altos e baixos, já recuperei peso e agora voltei a perder... Faz parte! mas nunca desistas...

    estamos aqui contigo, por isso :)!

    ResponderEliminar
  3. Sei o que é estar nessa pele. E sei o que está a ser complicado suportar. Mas dá a ti mesma três semanas. Durante essas três semanas vais penar muito mas passadas essas 3 semanas com o plano renhido, ja vais te sentir melhor. E nada de pressas, nada de cortar hidratos, tudo para a vida e nada de dietas. ;)

    ResponderEliminar
  4. Olá :)

    Eu compreendo,nessas épocas é muito complicado manter a forma,mas sendo assim, tens que começar já a fazer com que isso não aconteça mais e a perder os quilos a mais...ano novo,vida nova :)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  5. Penso que os níveis de ansiedade que agora atravessas sejam a razão para teres esses ataques de gula (comigo é assim).
    Espero que tenhas voltado para ficares, ajuda desabafar e ter este suporte virtual, mesmo de pessoas que não conhecemos.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Olá :)

    Já me tinha questionado quando voltarias, e ainda bem que o fizeste :) Fico muito feliz :)

    Agora é pôr mãos ao trabalho, já sabes ;) Esforçares-te novamente. Afinal, já sabes como é que se perde peso, já o fizeste no passado... Agora é só voltar a repetir isso tudo ;)

    Tens aqui o meu apoio :)

    Beijinhos :D

    ResponderEliminar
  7. Estamos mesmo a precisar de um empurrão! :)
    Não, eu estudo em Coimbra, mas como só me faltam algumas cadeiras só lá vou fazer os exames. :)

    ResponderEliminar
  8. Nem sei que te diga, a não ser que te compreendo e que isto que acabei de ler parece saido da minha boca...a todos os niveis...ainda estou a ganhar coragem para voltar...prometi a mim mesma que só voltava quando descesse de peso...
    Força :D e fico feliz por te ter de volta :D bjinhos*

    ResponderEliminar
  9. Vá, nada de paranoias. Também já passei por isso (o querer esconder-me), mas depois cheguei à conclusão que sentia-me ainda mais deprimida. Por isso, independentemente do que os outros possam pensar, faço a minha vida normalmente. Além de te divertires, tens menos tempo para asneirar às escondidas. :P

    Boa sorte para o teu objetivo e calma ctg.

    Beijinhos,
    Pintainha

    ResponderEliminar
  10. Olá! Desculpa encher o saco, mas é que temos um projeto que ajuda pessoas com bulimia, anorexia, depressão, automutilação e bullying. Pedimos a sua colaboração para ajudar a divulgar o projeto. Se tudo caminhar bem muitas mais pessoas serão ajudadas. O nosso blog é esse : burlive.blogspot.com.br
    Muito obrigada pela atenção

    ResponderEliminar